fbpx

Speak and Lead

Ser um líder consistente
ou ser um líder intenso?

No âmbito da Liderança, o que será mais relevante: consistência ou intensidade?

Enquanto humanos, estamos pré-desenhados para valorizarmos mais a intensidade do que a consistência. Peguemos no seguinte exemplo:

Alguém está a passar numa rua, olha para o lado e vê uma casa a arder. Não pensa duas vezes: vai a correr lá para dentro e salva um cão que está na casa em chamas. No final do dia, é-lhe dada uma medalha (literal ou metaforicamente). Já a pessoa que fez um bom trabalho de base, ou seja, de prevenção, na manutenção duma casa para que esta nunca arda, não recebe nenhuma valorização extra pelo seu trabalho.

Esta é a forma como funcionamos em sociedade.

Infelizmente, existem muitos líderes a serem escolhidos na base da intensidade e não na base da consistência. Funcionários consistentemente bons, confiáveis ao longo de anos, sempre com uma palavra amiga e que apresentam bons resultados não são, frequentemente, promovidos ou valorizados. E isto acontece porque a intensidade, apesar de menos relevante, é muito mais visível do que a consistência.

Porque é que a consistência é, então, mais relevante do que a intensidade?

Há génios que têm uma excelente ideia, um ótimo resultado uma vez na vida, e que passam o resto do tempo à volta desse resultado e a viver desses louros. Mas nós sabemos que, no fundo, não podemos contar com eles para fazerem mais do que isso. E isto acontece regularmente nas empresas.

Uma relação de consistência cria uma relação de confiança e de segurança. Os resultados de excelência vêm de ações simples, repetidas de forma consistente, de forma a mudar comportamentos, perceções e resultados – e não de uma grande e súbita situação de intensidade.

Liderança são relações. E não existem relações sem consistência.

Não conseguimos ter confiança em alguém que “aparece” de vez em quando. Precisamos de líderes, ou outros membros da equipa, consistentemente proativos e que sejam capazes de resolver problemas constantemente e não de alguém que, num dia específico, tenha em si os holofotes e em que, por acaso, lhe seja conveniente.

No entanto, por vezes, a intensidade justifica a falta de consistência.

Tanto a consistência como a intensidade têm o seu papel. Podemos considerar a consistência mais relevante e olhar para a intensidade como um bónus, um complemento à consistência. Porque é que um colaborador, na maioria dos cenários, teve a oportunidade de assumir o controlo e brilhar? Porque alguém, infelizmente, não foi consistente no seu trabalho, no desempenho das suas responsabilidades. A ausência de consistência é que gera, normalmente, oportunidades para a intensidade. A intensidade é, por isso, um complemento da consistência e nunca o seu substituto.

Intensidade não é um comprimido mágico

Muitos líderes tendem a resolver problemas de consistência com soluções de intensidade. Mas o que é criado por consistência jamais será resolvido por intensidade. Por exemplo, se existe um mau ambiente constante dentro de uma empresa, não vai ser uma atividade de team building que vai mudar ou resolver a situação.

O que acontece dentro da empresa não vai ser resolvido fora da empresa. O que acontece o ano inteiro não vai ser resolvido num único dia do ano. São soluções que parecem mais fáceis mas, como em tudo na vida, o comprimido mágico não surte efeito. Atividades de team building são positivas apenas para melhorar os bons relacionamentos já existentes dentro das equipas.

É muito mais importante a maneira como comunicamos, enquanto líderes, com os nossos colaboradores, a maneira como os respeitamos, por ser um ato diário, do que um “grande momento”, momento esse em que, frequentemente, estamos a desrespeitar o seu tempo e vida pessoal com atividades fora do horário de trabalho e que apenas servem de máscara para um problema que tem de ser resolvido internamente.

Fazer pequenas coisas, coisas simples, de forma consistente, ao longo do tempo, é o que nos permite atingir resultados de excelência.

Pronto para se tornar num melhor líder, motivar a sua equipa e gerar melhores resultados? Inscreva-se já no Curso de Liderança para obter todas as ferramentas que precisa!

Curso de Liderança

Pedir Proposta